Em Pernambuco, pacientes com câncer fazem terapia com florais

Antes da matéria, um breve e necessário comentário. Em Pernambuco, um hospital utiliza a terapia floral para o atendimento oncológico. Essa notícia é animadora, no sentido de nos anunciar uma postura nova. Sabemos que a chamada medicina “tradicional” vinha chamando terapias complementares integrativas  até há bem pouco tempo de “alternativas”.  Ora, na verdade, o termo “complementar integrativo” sugere muito mais o que devem ser as terapias holísticas: aplicadas com responsabilidade, podem, sim, SOMAR, serem excelentes aliadas aos tratamentos convencionais. 

É do conhecimento de todos, por exemplo, que os medicamentos alopáticos trazem, em sua grande maioria, efeitos colaterais que vão desde um simples enjôo até complicações mais severas, como comprometimento de órgãos e alteração em quadros sanguíneos. Reiki, Shiatsu, aromaterapia, florais e outros tratamentos complementares produzem bem-estar, resgatam a energia vital do paciente, proporcionam disposição e até mesmo vigor para enfrentar tratamentos severos. Médicos e terapeutas não precisam “brigar” pela atuação, mas devem enxergar o paciente como um todo – físico, emocional e… por que não? Também espiritual!

Que outras iniciativas como a do HC pernambucano sejam implementadas e difundidas.

Pacientes com câncer fazem terapia com florais

terapiafloralO Hospital das Clínicas (HC), da Universidade Federal de Pernambuco (UFPE), oferece aos pacientes com câncer um tratamento bem diferente a que estão acostumados. Aliada à medicina convencional, a terapia floral é utilizada na busca do equilíbrio emocional e melhor qualidade de vida dos pacientes.

Com a utilização de diversos sistemas florais totalizando 295 essências de flores silvestres, a especialista em terapia floral da UFPE Rosângela Vecchi, voluntária do HC, trata, não a doença, mas suas causas e reações emocionais manifestadas por ela. “Tenho que conhecer a história de vida do paciente, como ele reage à doença, os traumas, as
dores físicas, mentais e emocionais. Só assim, escolho a essência adequada a cada um”, explica. Essas essências são ligadas a quatro sistemas: Califórnia, Bach, Saint Germain e Pacífico. O último trabalha também os meridianos correspondentes a órgãos específicos do corpo.

No Serviço de Oncologia do HC, a terapia floral objetiva aliviar o sofrimento do paciente com qualquer tipo de câncer e em qualquer estágio. “São comuns desequilíbrios como medo exagerado, raiva, tristeza, ansiedade e desespero”, elenca. O tratamento é feito por via oral e dura cerca de cinco meses, dependendo da situação de cada um.

Os profissionais do setor também aderiram à prática. A técnica de enfermagem Maricesar Costa, está se tratando com florais há quatro meses para minimizar os efeitos da ansiedade. “A ansiedade me atrapalhava muito. Com os florais estou me sentindo bem melhor e até sinto falta quando não tomo”, conta.

A terapia floral foi criada pelo médico Edward Bach, na Inglaterra, em meados de 1930. É uma prática complementar integrativa que utiliza o princípio vibracional das flores silvestres onde o extrato de cada uma atua no indivíduo proporcionando qualidade necessária para promover o equilíbrio integral. A terapia parte do princípio de que o indivíduo adoece de forma integral em que os sinais e sintomas são sentidos nas
esferas física, emocional e mental.

Projeto amplo 

O Departamento de Enfermagem da UFPE colocará em prática, em março, o projeto Práticas Integrativas e Complementares em Enfermagem (Pece). O objetivo é oferecer o serviço aos interessados em utilizar a terapia floral como instrumento
terapêutico.

Resultados alcançados (segundo relatos dos próprios pacientes):
flowerDiminuição da percepção da dor
Tranquilidade interior
Bom sono
Melhoria da autoestima
Disposição no dia a dia
Diminuição dos efeitos desagradáveis da quimioterapia
Retorno à convivência familiar e social
Redução do quadro de ansiedade

Americanos apontam que emagrecer pode ser mais fácil com Florais de Bach

Aliados, os florais Crab Apple, Cherry Plum e Chestnut Bud compõem uma fórmula que ajuda na aceitação das imperfeições, no controle dos ataques à geladeira e no aprendizado do que é ou não bom para sua dieta. O produto já é sucesso no mercado americano.
 
 
floraisTodo mundo conhece a fórmula do emagrecimento: dieta balanceada aliada à queima calórica por meio de exercícios físicos. Porém, também se sabe que aspectos emocionais contribuem para o sucesso ou o fracasso de uma dieta. Como em tudo, as emoções afetam a ansiedade e outros sentimentos que nos levam, muitas vezes, a nos refugiar na comida. Portanto, para que se obtenham resultados positivos no processo de emagrecimento, é preciso também encontrar o equilíbrio emocional, explica Maria Aparecida das Neves, terapeuta floral e especialista em transtornos alimentares.
 
Para quem quer atacar o problema por todos os lados, uma boa indicação são os Florais de Bach Originais. As essências florais não são medicamento, mas sim elementos capazes de agir sobre as emoções e sentimentos que nos levam a transtornos, doenças, culpas e muitos outros males. Por serem naturais, os Florais de Bach Originais não têm contra-indicação, podendo ser aplicados a pessoas de todas as faixas etárias, mesmo aquelas que apresentam problemas físicos.
 
Os três florais estão sendo comercializados, nos Estados Unidos, em uma única caixa, chamada de ‘Eating Kit’, um sucesso absoluto de vendas (veja em: http://www.nelsonshomeopathy.com/shop-online/Bach-Emotional-Eating-Kit_prod1763.aspx), tornando-se uma a mais nova “febre” entre os que buscam emagrecer sem riscos à saúde e sem grandes esforços.
 
No Brasil, os florais são vendidos separadamente, mas os três frascos formam exatamente o mesmo produto. A ação de cada um dos componentes da fórmula pode ser assim definida:
Crab Apple – Trata-se de um floral indicado para a auto-aceitação. Quando a pessoa tem problema em aceitar-se, podendo desenvolver repugnância por sua aparência se acha visualmente desagradável, sentem-se sujos, impuros, perde a auto-estima por não aceitar suas imperfeições, dificilmente encontra forças para mudar. É aí que o Crab Apple e’ conhecido como o floral da limpeza, ela ajuda a limpar qualquer que seja o aspecto – físico ou mental, já que ajuda no processo de aceitação de suas imperfeições.
 
Cherry Plum – Quando você sente medo de perder o controle e causar danos a voce mesmo, que perdeu o controle de sua dieta, ao simples fato de ser contrariada, vai para a compensação. Cherry Plum o ajuda a pensar e agir racionalmente. É a típica cena: você sabe que um pedaço de pizza tem o mesmo gosto que a terceira ou quarta fatia. E sabe que não precisa de uma grande quantidade de alimento. Porém, algo o faz atacar o prato, totalmente sem controle. O Cherry Plum  pode ser considerado um tônico para a razão, que permite retomar o controle sobre seus pensamentos e ações, ajudando-o a entender o processo de emagrecimento e a agir em prol de sua dieta.
 
Chestnut Bud – Para completar o Eating Kit, o Chestnut Bud vem ajudá-lo a não repetir os mesmos erros. Há pessoas que vivem em dieta eternamente. Dieta da lua, da proteína, dos pontos, há quem conheça cada uma delas detalhadamente. Elas já sabem como se alimentar corretamente e como escapar das armadilhas alimentares, parecem não aprender com suas experiências, sempre cometem os mesmos erros. Compras exageradas de itens que devem ficar fora da dieta, abuso de álcool e sobremesas, vontade de faltar na academia… Seja como for, acabam repetindo os mesmos erros – e que o leva cada vez mais distante do seu objetivo – o Chestnut Bud o auxiliará a não repetir as mesmas falhas,ajudando a seguir adiante e alcançar um nível de vida melhor.
 
É importante ressaltar que os Florais de Bach originais não substituem a dieta, os exercícios físicos ou mesmo os medicamentos (quando receitados por médicos), mas complementam o tratamento, atuando diretamente nas emoções.
 
O composto dos florais Crab Apple, Cherry Plum e Chestnut Bud pode ser preparado em uma farmácia de manipulação de sua confiança ou você pode adquirir os três florais separadamente e ministrá-los conforme a orientação de um terapeuta floral.

Os Florais de Bach
 
O médico inglês Edward Bach, na década de 30, descobriu um sistema universal de cura: os chamados Florais de Bach. A cura, neste caso, não era física, mas sim emocional, afinal, para ele a desordem dos sentimentos e emoções se refletia em malefícios no corpo – uma constatação, atualmente, muito fácil de entender.
 
Os Florais de Bach são 38 essências feitas a partir de plantas e florais, ‘gotinhas’ que ajudam as pessoas a administrar as pressões emocionais do dia-a-dia e as que surgem motivadas por alguma situação específica – perdas, traumas, etc. Com as emoções em ordem, é possível ter um corpo saudável, livre de qualquer mal.
 
Bach identificou 38 estados negativos da mente como medo, incerteza, solidão e desalento, entre outros. Para cada estado de ânimo ele encontrou uma planta e criou uma essência floral para tratá-lo.
 
A chave para receitar as essências é justamente reconhecer como a pessoa está se sentindo e verificar qual essência corresponde com o estado de espírito descrito. É o passo mais importante para equilibrar as emoções. São muitos os relatos de pacientes que, ao tomarem floral, conseguiram controlar seus sentimentos e passaram a aproveitar melhor a vida.
 
O sistema criado por Bach tem ainda outras vantagens: é totalmente natural, não é algo caro e não têm contra-indicação. Esta forma de tratamento tem sido utilizada, cada vez mais, por terapeutas e pessoas comuns que buscam o equilíbrio com a ajuda de métodos naturais.

(Caso deseje agendar uma consulta ou obter mais informações sobre a terapia floral, entre em contato com zenitude@neymourao.com.br ou pelo telefone: 31 3421-8102)